Recentemente, surgiram várias notícias dizendo que uma taça de vinho equivale a 1 hora de atividade física. Será que isso é realmente verdade? Será que as diversas academias de ginásticas espalhadas por todo o Brasil já estão com os dias contados? Será que, ao invés de nos preocupamos com qual é o melhor treino para emagrecer, vamos querer saber qual é o melhor vinho para beber?

Calma, antes que você cancele a matrícula da sua academia ou venda seu par de tênis de corrida para seu irmão mais novo, vamos esclarecer os fatos!

Tudo começou quando um site britânico publicou uma notícia sobre um estudo do grupo do Dr. Jason Dyck, da Universidade de Alberta, no Canadá. Segundo o site, os pesquisadores concluíram que a ingestão de 1 taça de vinho promovia benefícios para a saúde similares à prática de 1 hora de exercício.

Porém, a história não é bem assim!

Em primeiro lugar, o estudo citado utilizou resveratrol e não vinho. Mas, o que é o resveratrol? É um composto natural encontrado em algumas frutas, nozes e vinho tinto. Muitos estudos comprovam que a utilização do resveratrol pode ajudar na promoção da saúde. Alguns trabalhos sugerem que a sua utilização ajuda a aumentar a produção do HDL (também conhecido como colesterol bom) e reduzir a concentração de LDL (conhecido como colesterol ruim), sendo importante, portanto, no combate às doenças cardiovasculares.

Então, que fique claro, na pesquisa foi utilizado RESVERATROL e em altas doses! Segundo o próprio autor da pesquisa, seria necessária a ingestão diária de 100 a 1.000 garrafas de vinho para atingir a quantidade utilizada nas pesquisas. Ou seja, não é “só” 1 taça de vinho que vai fazer a diferença, como muitos acreditam!

Em segundo lugar, a pesquisa foi desenvolvida em ratos e, em tese, os dados até podem ser extrapolados para humanos. Contudo, às vezes, os efeitos podem não ser os mesmos; por isso, mais estudos devem ser desenvolvidos para verificar se os efeitos serão os mesmos em humanos. Além disso, a melhora de força e de alguns parâmetros cardiovasculares só foi encontrada no grupo que associou resveratrol e exercício físico. A suplementação isolada teve pouco efeito.

Outra coisa que devemos considerar é que os animais treinaram em esteira. Ou seja: os benefícios para a saúde, decorrentes de outros tipos de exercícios, como, por exemplo, musculação, sequer foram investigados.

Para finalizar, hoje sabemos que a prática de exercício físico pode melhorar outros pontos da nossa saúde, como diabetes, osteoporose e até mesmo depressão – problemas que não foram averiguados no estudo. Então, como podemos generalizar que somente 1 taça de vinho substitui a atividade física?

A confusão foi tanta que o próprio Dr. Jason Dyck precisou esclarecer, em uma entrevista recente: “Nós não utilizamos nenhum tipo de vinho e não recomendamos que você deixe de ir para academia”.

Portanto, acredito que a história foi interpretada de forma errada. Provavelmente, por alguém tentando aparecer, sem se preocupar de verdade com a nossa saúde. Assim, meu conselho é: sempre procure profissionais especializados, pois com a saúde não se brinca!

Exercício

Alimentação balanceada e exercício físico ainda são as melhores alternativas para você manter uma vida longa e saudável! E lembrem-se sempre: milagre, não existe!

Caso tenha alguma dúvida ou sugestão, mande um e-mail [email protected]

Siga também no instagram @joaoalfredo.pedroso